Referência de comandos básicos (rhc e git)

Compilamos alguns comandos básicos para trabalhar com Git e RHC na Getup. Eles tornam a vida mais simples e permitem gerenciar sua aplicação passando pelo ciclo de vida completo - criar/edita/publicar. Imprima e cole na sua geladeira ;)

Artigo também publicado em nosso blog.

Nos comandos, onde aparece [nome], substitua pelo nome da sua aplicação. Lembrando que o nome é a primeira parte da URL: http://[nome]-[namespace].getup.io

Antes de começar

Certifique-se que seu RHC esteja instalado e configurado corretamente. Para atualizar o RHC, use o comando gem. Abra o terminal e execute:

$ sudo gem install rhc

Se você estiver no Windows utilize o Git Bash, omitindo a palavra sudo no início do comando:

$ gem install rhc

Para configurar o RHC basta executar o wizard:

$ rhc setup --server broker.getupcloud.com

O programa vai pedir seu usuário (email) e senha da Getup. Em seguida, responda yes para todas as perguntas. Agora vamos ao que interessa...

Criar uma aplicação

Ao criar uma aplicação precisamos fornecer dois argumentos obrigatórios:

$ rhc app-create [nome] [cartucho-web]

Note que ao criar sua aplicação com o rhc, o repositório Git já é baixado no diretório [nome]. Para ver a lista de cartuchos disponíveis:

$ rhc cartridges

Escolha no mínimo um cartucho web e opcionalmente um ou mais cartuchos addon. Por exemplo, para criar uma aplicação chamada blog com os cartuchos php-5.5 e mysql-5.5:

$ rhc app-create blog php-5.5 mysql-5.5

Uma aplicação escalável pode ser criada simplesmente incluindo a flag --scaling (ou -s). Dessa forma o cartucho de banco é posicionado em um gear específico e o sistema escala apenas o cartucho web (PHP neste caso)

$ rhc app-create blog php-5.5 mysql-5.5 --scaling

Para utilizar gears diferentes, utilize a opção --gear-size (ou -g).

$ rhc app-create blog php-5.5 mysql-5.5 --gear-size [tamanho]

Atualmente disponibilizamos os seguintes [tamanho]s

 512 MB1 GB
EUA small medium
Brasil small-br medium-br

A lista atualizada pode ser encontrada em nosso dashboard web.

Adicionar cartuchos

Quando precisar adicionar um cartucho em sua aplicação, escolha um da lista (rhc cartridges) e execute:

$ rhc cartridge-add mysql-5.5 --app blog

Note que apenas cartuchos addon podem ser adicionados na aplicação.

Baixar o código da aplicação

Use o rhc para baixar facilmente seu repositório. Note que não é necesário conhecer a URL Git, apenas o nome da aplicação:

$ rhc git-clone [nome]

Uma nova pasta [nome] será criada no diretório corrente (execute pwd para descobrir onde está).

Editar e publicar

Abra o terminal (Git Bash no Windows) e entre na pasta do projeto

$ cd [nome]

Após editar ou criar algum arquivo, precisamos comitar as alterações

$ git add caminho/para/o/arquivo

Ou, para incluir tudo, inclusive novos arquivos (note o "ponto" no final do comando)

$ git add .

Agora vamos comitar (note as aspas do -m)

$ git commit -m "mensagem de commit"

Ou, para comitar tudo

$ git commit -a -m "mensagem de commit"

Só resta publicar:

$ git push

Acessar o servidor via SSH

Basta usar o comando ssh do rhc:

$ rhc ssh [nome]

Acessar um gear específico

Essa vale apenas para aplicações escaláveis, que tenham sido criadas com a flag --scaling do comando app-create. Se você deseja acessar o gear do banco, por exemplo, liste todos os gears do app e acesse o gear usando a URL SSH:

$ rhc app-show [nome] --gears
ID                       State   Cartridges          Size  SSH URL
------------------------ ------- ------------------- ----- -------------------------------------------------------------------
53ee1f8999fc7783a6000068 started mysql-5.5           small 53ee1f8999fc7783a6000068@53ee1f8999fc7783a6000068-caruccio.getup.io
53ee1f8999fc7783a6000067 started php-5.3 haproxy-1.4 small 53ee1f8999fc7783a6000067@wp2-caruccio.getup.io

Agora é só executar o ssh:

$ ssh 53ee1f8999fc7783a6000068@53ee1f8999fc7783a6000068-caruccio.getup.io

Acessar o banco usando cliente local

Primeiro precisamos das credenciais do banco. Para isso usamos o comando app-show:

$ rhc app-show [nome]

Anote as credenciais, e em seguida crie o túnel:

$ rhc port-forward [nome]

Procure por uma linha similar:

   Service    Local               OpenShift
   ---------- -------------- ---- ------------------
   httpd   127.0.0.1:8080  =>  127.10.42.129:8080
   mysql   127.0.0.1:3307  =>  127.9.151.130:3306
           ^^^^^^^^^^^^^^
                 |
                 +- Endereço local do seu banco

Abra seu cliente local de banco (algumas sugestões: Sequel Pro, Workbench, pgAdmin, UMongo). Use o endereço local para acessar o banco. Note que a porta pode variar. O comando port-forward precisa estar aberto durante todo o tempo de acesso ao banco, e precisa ser reiniciado sempre que for necessário (não é persistente entre reboots). Este comando cria um túnel entre sua máquina e os servidores do outro lado. Ao acessar o endereço Local, o túnel redireciona a requisição para o endereço OpenShift no servidor.

Credenciais do banco

Os cartuchos comunicam-se através de variáveis de ambiente. Para descobrir as credenciais e endereço de acesso ao banco, faça ssh para o gear e liste as variáveis de ambiente:

$ rhc ssh [nome] --command "env | grep OPENSHIFT_MYSQL"

Para ver todas as variáveis de cartuchos, execute:

$ rhc ssh [nome] --command "env | grep OPENSHIFT"
Tem mais dúvidas? Envie uma solicitação

0 Comentários

Por favor, entre para comentar.
Powered by Zendesk